ViaEPTV.com
Jornal A Cidade - Seu jornal. Sua cidade.
  • 0

Índice de reajuste do aluguel volta a subir

Depois de recuar no primeiro semestre, o principal indicador usado nos contratos sobe 5,27% neste mês

09/11/2013 - 16:53

Jornal A Cidade - Raissa Scheffer

Alterar o tamanho da letra A+ A A-


Infográficos/A Cidade

Após uma desaceleração no final do primeiro semestre deste ano, o índice que reajuste a maioria dos contratos de aluguel em Ribeirão voltou a subir neste último trimestre e fechou novembro com avanço de 5,27%, a segunda alta consecutiva.

Quem tem contratos de aluguel com aniversário neste mês precisa multiplicar o valor atual do aluguel por 1,0527 para obter o valor que deverá ser pago a partir de dezembro.

O índice de reajuste, segundo Roberto Akazawa, gerente do Departamento de Economia do Sindicato da Habitação (Secovi-SP), reflete o comportamento de preços durante o período de um ano.

Para quem sentiu o peso desse reajuste ou já procura outro imóvel para alugar, a dica do delegado regional do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci) em Ribeirão, Antonio Marcos de Melo é negociar e pesquisar. Hoje, segundo Melo, existe oferta grande de imóveis disponíveis para locação em Ribeirão e há ampla possibilidade de negociação.

“Se o dono não abaixa ou não negocia o valor, o inquilino consegue encontrar preços melhores no mercado”, comenta. “É a hora para essa negociação e o dono de imóvel que não quer perder negócio também deve estar aberto a isso. Existem imóveis que já estão fechados e disponíveis há 12 meses na cidade.”

Segundo ele, para manter o inquilino, alguns proprietários de imóveis optam por nem repassar o reajuste anual do IGP-M no aniversário do contrato.

“Tenho clientes da minha imobiliária que pedem para não repassar porque o inquilino é bom e está cuidado do imóvel”, diz.

Participe
Participe AraraquaraSiga nosso TwitterCurta nossa Fan Page

Edição Digital

Tenha acesso a todo o conteúdo do jornal impresso.

Edição Online