ViaEPTV.com
Jornal A Cidade - Seu jornal. Sua cidade.
  • 0

Bandidos fazem reféns e tentam arrombar caixa eletrônico em posto de combustíveis

Vigia e homem que passava na rua foram rendidos, na zona Oeste de Ribeirão Preto

Alterar o tamanho da letra A+ A A-


Lucas Mamede / Especial
Homem observa caixa danificado em posto (Foto: Lucas Mamede / Especial)

Quatro homens tentaram arrombar um caixa eletrônico durante um assalto à loja de conveniência de um posto de combustível, na avenida Patriarca, zona Oeste de Ribeirão Preto, na madrugada deste domingo (12). Os bandidos, porém, não conseguiram arrombar o equipamento e fugiram levando maços de cigarro.

No último domingo (5), uma outra loja de conveniência dentro de um posto no Sumarezinho também foi alvo de bandidos, que explodiram um caixa eletrônico no local, na zona oeste da cidade.

No assalto deste domingo, segundo o boletim de ocorrência (BO), o vigilante do posto, de 35 anos, foi rendido por quatro homens encapuzados, dois deles armados. Os criminosos levaram a vítima até o box de troca de óleo e um deles permaneceu com o vigia. Logo depois, um dos ladrões chegou com outra vítima, um homem que passava pelo local. Os dois foram mantidos como reféns.

Depois de 15 minutos, o vigilante percebeu que os bandidos tinham fugido e saiu para verificar o que eles haviam levado.

O vigia constatou que os criminosos forçaram a porta da loja de conveniência até conseguirem abri-la.

Segundo o BO, os ladrões pegaram maços de cigarro de marcas diversas. A quantia levada não foi informada.

O caixa da loja estava revirado, mas o vigilante não soube informar se havia dinheiro lá. Os bandidos também tentaram arrombar o caixa eletrônico instalado no posto, mas não tiveram sucesso. Apenas a o dispositivo da entrega de dinheiro ficou danificado.

O estabelecimento possui câmeras de segurança externas e três internas, porém uma delas foi danificada pelos bandidos.

Um cliente do posto ficou indignado com a violência. “Estou aqui direto e essas coisas só assustam a gente. Tenho um bar aqui perto e, ano passado, também fui assaltado. Os bandidos chegaram a colocar arma na minha cabeça”, contou o homem que preferiu não se identificar.

A Polícia Civil vai investigar o caso.

Mesmo posto

O mesmo posto foi alvo de uma tragédia em outubro do ano passado, quando um jovem de 15 anos morreu depois de ser baleado por um policial militar. O menor chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

Participe
Participe AraraquaraSiga nosso TwitterCurta nossa Fan Page

Edição Digital

Tenha acesso a todo o conteúdo do jornal impresso.

Edição Online

Classificados - Jornal a Cidade

A partir de agora você terá mais uma opção para anunciar veículos e imóveis no Jornal A Cidade

Classificados Imóveis- Jornal a Cidade
Classificados Carros - Jornal a Cidade